Amigos do Rogers

6 de outubro de 2011

Trechos de 'Amor-perfeito' (Parte II)

"E se canso, é só você dançar para mim mesmo muito mal como você dança que me renovo, pois quando te vejo dançar todas as outras coisas desaparecem, exceto o meu riso escancarado de graça de ver você se exibindo tão mal para me fazer sorrir como só você soube, e sabe".

"...embora eu não goste aceito suas cosquinhas no meu subaco, como você fala quando estou triste para me ver sorrir mesmo sem vontade, e consegue, porque você sabe que odeio odeio odeio cosquinhas no subaco mas adoro adoro adoro quando diz isso".

"...veja, fechei os olhos ao sentir seus braços nas minhas costas e adormeci de medo, sim, de medo, porque dois segundos depois você pode tirá-los".


* Trechos do conto Amor-perfeito, publicado na coletânea Portal 2011, org. Nelson de Oliveira.
** Em muito breve um exemplar da coletânea Portal 2001 será sorteado entre os seguidores deste blogue. Participe!