Amigos do Rogers

11 de abril de 2009

FoMee

Piadinha sobre a fome

Era uma vez um rapaz que passou fome, muita fome. Mas ninguém sabia que ele passava fome, porque ele vivia fingindo que comia. Com o tempo, uma úlcera foi se formando em seu estômago. E se transformou em um câncer. Mas antes de morrer (o médico dera certeza que em pouco tempo morreria) ele deu um tiro no meio – exatamente no meio – da sua cabeça.

***

Conceito científico de fome

Fome – é o estado de quem não tem o que comer. É o estado de quem come pouco, muito menos do que a necessidade diária. É o estado de quem não tem auto-estima, daquele que tem vergonha da sua situação, daquele que tem tanta revolta de não ter nem o sub-básico. Fome = impotência + raiva + constrangimento + revolta. É o estado daquele que mesmo lutando muito não consegue nem comer, ou daquele que se acostumou com o vazio (da barriga). Daquele que come pão sem manteiga. Daquele que come pão sem café. Daquele que toma muita água pra enganar a fome. Daquele que quando almoça não janta, ou se janta não almoça. Daquele que quando passa em frente a um bom restaurante inveja aqueles que comem, e comem muito bem, obrigado. Fome é o estado daquele que nem sempre é magro, que nem sempre está visivelmente triste, mas tem sempre um olhar profundo e cheio de ira implícita. É o estado daquele que chora por não ter o que comer. É o estado da barriga vazia, da dor da barriga vazia, dos roncos da barriga vazia. Daquele se sente um glugluglu no estômago quando come, pouco, menos do que o necessário para preencher o vácuo inteiro. É o estado daquele que tem poucas forças para procurar emprego, que tem poucas condições de procurar um emprego, daquele que já procurou – e muito – emprego, mas não conseguiu. Fome é o estado daquele que pede ou daquele que não pede – este, por causa do seu orgulho, sofre duplamente. Fome é a causadora de atitudes tais como: ir a festas, eventos, publicação de livros, enterros – mesmo não sendo convidado – a fim de comer, mesmo que sejam apenas uns biscoitinhos. Fome é o estado daquele que olha o céu, as estrelas, o mar e as flores e não acha graça nenhuma. É quando se abre a geladeira e ela insiste em não ter nada. Fome é o estado daquele que sobrevive, durante dias e dias, com apenas miojo OU macarrão OU feijão com farinha. Só sente fome aquele que é um fracassado, e ao ter fome ele se sente mais ainda um fracassado, especialmente se tem quem passe fome – filhos, esposa etc. – por sua causa. Fome é o estado daquele que ao comer algo diferente sente grande prazer, ao cúmulo da exclamação espontânea. Fome é o estado daquele que come arroz e tomate durante uma semana, por exemplo – no almoço. Fome é o estado daquele que come arroz e ovo durante a outra semana. Fome é o estado daquele que dá muitos murros, que muito cospe, que de vez em quando chora, que pouco defeca. Fome é o estado daquele que, se insiste em ir à sua casa – sobretudo em horários de refeições – é porque sente fome. Fome é o estado daquele que se angustia por não saber se amanhã vai ter o que comer. Fome e perplexidade são a mesma coisa, porque o faminto, dentro de si, a todo momento está com os olhos arregalados e calado. Perplexo, calado, porém com a boca aberta, à espera. Isso que é fome.



***

Dicas para quem passa fome
  • Beba muita água. Beba água de meia em meia hora, no mínimo.
  • Tome muito café, melhor se bastante quente.
  • Por mais difícil que seja, ao comer coma devagar, mastigando bem, saboreando cada garfada. Demore o máximo possível de tempo para comer.
  • Quando estiver com fome, evite andar ou fazer esforços desnecessários. Evite o sol. Entretenha-se, mas sem fazer esforços físicos.
  • Algumas plantas e folhas de árvores fáceis de encontrar são comestíveis. Descubra quais.
  • Caso tenha pouco dinheiro, compre alimentos que encham a barriga e proporcionam sensação de saciedade. Jamais gaste dinheiro com coisas supérfluas como frutas, bolachas, refrigerantes, salgados, chocolates etc. É preferível comprar 5 quilos de arroz e comê-lo puro.
  • Vá a eventos gratuitos, sempre. Vá a casamentos sem ser convidado. Vá a igrejas católicas ou evangélicas. Se perguntarem qual é o seu problema, responda: fome.
  • Faça programas para ganhar dinheiro e, assim, comprar comida. Caso seja homem e não goste de homens, seja passivo, porque assim não precisará estar excitado para realizar o programa. Mais constrangedor do que fazer programas, é passar fome.
  • Caso não tenha perfil para fazer programas, peça ou, em último caso, roube. Mais vergonhoso do que pedir ou roubar é passar fome.
  • Durma o máximo possível. Sugere-se que compre ou consiga de alguma maneira remédios para dormir, de forma que durma mais facilmente, porque assim não lembrará que tem fome.

Continue...


((( >>> Caro leitor, a fim de criar uma cartilha com Sugestões Práticas a ser distribuída entre os que passam fome, te peço que ajude a contribuir com as 'Dicas para quem passa fome' )))


Dicas para quem passa fome (dos leitores):

  • Se for roubar, roube sementes; se faltar lugar pra plantar, vá para o campo e viva clandestinamente, pois provavelmente sequer será notado se souber escolher bem (por Rebert)
  • Nunca sorria em público, próximo a restaurantes. O sorriso denota felicidade e quem é feliz não tem fome (por Luiz Cézar Cordeiro)